Scania faz aniversário de 64 anos no Brasil

por Blog do Caminhoneiro

02 de julho de 1957. Começava a ser traçada a história da Scania no Brasil, após aprovação do projeto da montadora no Brasil pelo GEIA, o Grupo Executivo da Indústria Automobilística, criado em 1956 pelo presidente Juscelino Kubitschek.

Apesar de, oficialmente, iniciar as atividades no Brasil em 1957, modelos Scania já eram importados da Suécia anteriormente, mesmo na década de 1940. De acordo com registros históricos, o primeiro caminhão que veio para o Brasil foi um modelo L 65, com chassi 81221, importado pela Siemol Sociedade Importadora, do Rio de Janeiro. O caminhão saiu da Suécia em 19 de dezembro de 1949.

Entre 1949 e 1951, 122 caminhões e ônibus da montadora sueca chegaram ao Brasil, importados por várias empresas. A partir de 1952, a Vemag passou a trazer para o Brasil caminhões desmontados, para finalização em suas instalações. Entre os anos de 1951 e 1957, foram importados 585 caminhões e 24 ônibus em CDK pela Vemag.

Os caminhões vinham de navio da Suécia, chegando, na maioria das vezes, apenas sem pneus e baterias, que eram instaladas no Porto de Santos pelos funcionários da Vemag, ou então subiam a serra de trem até São Paulo, onde eram finalizados.

A montadora decidiu instalar sua primeira fábrica fora da Suécia por aqui. Inicialmente, ainda em parceria com a Vemag, foi constituída a Scania-Vabis do Brasil – Motores Diesel, no dia 02 de julho de 1957.

A Scania montou um escritório no centro de São Paulo, para acompanhar a montagem dos caminhões, ainda realizada pela Vemag, e também para preparar tudo para o início da construção de sua fábrica de motores no Brasil, peças vitais para a nacionalização dos caminhões.

O projeto da Scania, para produção de motores, foi apresentado ao GEIA em 07 de julho de 1957, sendo aprovado somente em 25 de novembro daquele ano.

Seriam produzidos motores para caminhões e motores marítimos, fundidos pela Cofap e usinados e montados pela Scania. A construção dos caminhões ainda cabia à Vemag. Os primeiros modelos deveria ser os L 7138 e L 7150, com entre-eixos de 3,8 metros e 5 metros.

O primeiro caminhão Scania genuinamente brasileiro foi fabricado em 28 de abril de 1958. Com motor ainda importado da Suécia, o caminhão já tinha 35% do peso em peças fabricadas no Brasil, atendendo aos requisitos do GEIA.

A Scania e a Vemag encerraram a parceria em 1960, já que a Vemag tinha o foco principal na montagem de automóveis e utilitários, e a Scania assumiu integralmente a produção de veículo no país a partir de junho daquele ano.

Depois disso, a empresa seguiu construindo sua história no país, até hoje, sendo uma das referências no segmento de veículos pesados para o transporte de cargas e passageiros.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

Deixe um comentário!