Anel Rodoviário de Belo Horizonte terá área de escape

Trecho com alto índice de acidentes envolvendo caminhões, o Anel Rodoviário de Belo Horizonte, em Minas Gerais, receberá uma área de escape, situada no KM 541,64, no trecho entre a BR-040 e o trevo do Betânia, a poucos metros do acesso ao Buritis.

De acordo com uma nota divulgada ontem, a Prefeitura de Belo Horizonte será responsável pela construção do sistema. O contrato foi assinado pelo prefeito Alexandre Kalil e o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas. A estimativa é que as obras comecem ainda na primeira quinzena de setembro.

A documentação do convênio entre o DNIT e a prefeitura está sendo preparada, e estará pronta nos próximos dias. Com isso, será autorizada a contratação e execução do projeto, elaborado pela BHTrans.

A obra na chamada “descida do Betânia” engloba um trecho de cerca de 300 metros e está orçada em torno de R$ 2 milhões, com recursos próprios da Prefeitura. A previsão é de 90 dias de obras, com máquinas na pista.

Áreas de escape são dispositivos de segurança adotados em trechos de longas descidas, evitando acidentes causados por frenagens ou perda de freio de veículos pesados. A estrutura é feita de concreto, algo semelhante a uma piscina com 100 metros de comprimento, cheia de material tipo pedra brita, ou cinesita, a argila expandida. Quando um caminhão entra no dispositivo, afunda e para rapidamente, praticamente sem danos.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

Rafael Brusque - Blog do Caminhoneiro

Nascido e criado na margem de uma importante rodovia paranaense, apaixonado por caminhões e por tudo movido a diesel.

Deixe um comentário!

Volvo FH 540 é o caminhão mais vendido do Brasil Conheça o NIKOLA TRE movido a hidrogênio Caminhões comemorativos viram febre entre transportadoras Centenas de vagas de emprego para caminhoneiros Conheça o super caminhão futurista da Peterbilt