Primeiro caminhão Zero KM da Trans Canarinho é restaurado pela Dicave Volvo

por Blog do Caminhoneiro

Em 1986, o senhor Nelson João Bauerman adquiriu uma cota de consórcio da Volvo para poder adquirir seu primeiro caminhão Zero KM para a Trans Canarinho. A parcela foi paga em um dia, e na mesma noite, ele foi sorteado. O caminhão do consórcio era um Volvo N10 XH 4×2, e foi fundamental para a trajetória da empresa.

Depois de alguns anos servindo à empresa, o caminhão foi vendido e sua história quase se perdeu. Contando somente com as informações da placa do caminhão, o proprietário da empresa decidiu encontrar o caminhão. Depois de algum tempo de procura, ele foi encontrado em Foz do Iguaçu, no Paraná.

Como o empresário é cliente da Dicave Volvo, de Santa Catarina há muitos anos, a concessionária patrocinou a restauração do caminhão. O caminhão voltou a ter todos os detalhes de quando era Zero KM.

O Volvo N10 XH é equipado com motor de 10 litros, com potência de 275 cavalos e torque de 1.220 Nm. A cabine, produzida pela Brasinca, oferecia um bom nível de conforto para a época, e, a partir de 1985, contava com como novos faróis, agora retangulares, para-choque preto, novas faixas e legendas de identificação na grade e laterais, além de mudanças internas, como novos revestimentos, limpador com temporizador e painel mais equipado.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

COMENTAR
CLIQUE AQUI PARA PARTICIPAR DO NOSSO CANAL DO TELEGRAM

Deixe um comentário sobre o tema!