Alunos do ensino médio dos Estados Unidos terão aulas de direção de caminhões

por Blog do Caminhoneiro

A Patterson High School, da Califórnia, iniciou um programa de treinamentos para jovens de 17 anos sobre direção de caminhões, como uma forma de atrair mais jovens para o setor de transportes e ajudar a solucionar o problema da escassez de caminhoneiros no país, que já impacta toda a cadeia de transportes.

Essa escola é a primeira a oferecer um curso de direção de caminhões para alunos do ensino médio, e irá oferecer treinamento prático e teórico para estudantes do último ano.

“Muitos alunos que se matriculam no curso nunca consideraram o transporte rodoviário como carreira. O transporte rodoviário não tem uma grande reputação e vem com muitos conceitos errados sobre o que exatamente é ser um motorista de caminhão”, disse o instrutor Dave Dein.

Entre os equívocos mais comuns estão afirmações de que a profissão é perigosa e paga pouco. No curso, os alunos aprenderão todas as noções básicas do setor, como obtenção de documentação e dicas para evitar e sanar problemas nas estradas.

O curso terá duração total de 210 horas, com 180 horas em sala de aula e simuladores e 30 horas práticas, a bordo de caminhões. Apesar do curso, se algum aluno se interessar em seguir a carreira definitivamente, deverá completar 21 anos para obter a carteira de motorista profissional norte-americana (CDL). Apenas alguns estados permitem que jovens de 18 anos dirijam carretas.

Nos Estados Unidos, a falta de motoristas é um problema noticiado há vários anos, e faltam cerca de 60 mil profissionais para preencher todas as vagas existentes. Com o aquecimento da economia depois dos efeitos drásticos da pandemia de Covid-19, o problema se agravou, já que muitos caminhoneiros, demitidos no ano passado, buscaram outras colocações profissionais.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

Deixe um comentário!