PRF flagra carga transportada sem nota fiscal e com 23 toneladas de excesso de peso

por Blog do Caminhoneiro

A Polícia Rodoviária Federal do Piauí flagrou uma carreta Volvo FH 540 circulando pela BR-230, em Floriano, com a carga derramando, pneus baixos e velocidade reduzida, demonstrando estar com excesso de peso.

O veículo era conduzido por um homem de 38 anos, que negou estar transportando carga com excesso de peso. Com a negativa do condutor, os policiais conduziram o veículo para uma balança, onde foi constatado excesso de peso de 23.080 kg.

Além disso, o condutor não apresentou a documentação fiscal dessa mercadoria em excesso.

Diante das informações obtidas, foi constatada, a princípio, a ocorrência de Transporte de mercadoria nacional sem nota fiscal. Foi oferecido ao condutor o termo de compromisso e o mesmo se comprometeu a comparecer, quando solicitado, em juízo. Por fim, o veículo foi retido até a devida regularização (transbordo do excesso constatado).

Caminhões com excesso de peso são um perigo para a segurança viária nas rodovias. Além dos danos ao pavimento das estradas, existe um grande risco de acidentes graves em virtude de problemas mecânicos, como falta de freios, visto que o sistema de frenagem é projetado para conter o veículo até determinado limite de peso, acima disso, o sistema não funciona com eficiência; além disso, há o risco de tombamento devido ao excesso de peso e da carga mal acondicionada.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

Deixe um comentário!