Cegonhas chinesas chegam a transportar 30 veículos por viagem

A China é o maior mercado mundial de veículos do mundo, de todos os tipos. Todos os anos, milhões de novas unidades chegam aos proprietários, mas, como o país tem grandes dimensões, há necessidade de otimizar as entregas da maneira que for necessária.

Por isso, não é incomum registrar o transporte de mais de 20 carros em uma única cegonha, que, diferente dos modelos usados no Brasil, para até 11 carros, permitem cargas de automóveis em fila dupla sobre a carroceria, totalizando até 30 unidades.

As carretas utilizadas na China, além de veículos em fila dupla, também podem carregar carros na transversal, o que garante até 24 unidades sobre a carroceria.

No país, desde 2016, existe uma regra que quer acabar com esses exageros. Especialmente pela questão de segurança, já que essas carretas ultrapassam a largura das pistas de rolamento.

A partir de agora, as cegonhas chinesas estão sendo limitadas a 22 metros de comprimento, 2,6 metros de largura, e altura máxima de 4,4 metros, permitindo o transporte de 11 carros por viagem, como acontece aqui no Brasil.

Porém, como existem mais de 30 mil empresas de transporte de automóveis no país, há um embate para continuar transportando mais carros.

Com a nova regra, os transportadores precisarão transportar menos carros, e as cegonhas antigas, maiores, poderão ser usadas até o sucateamento, com algumas restrições de circulação.

Além de cegonhas rebocadas por um cavalo-mecânico, também foram aprovadas as cegonhas do tipo romeu e julieta, com um caminhão que pode transportar até cinco carros e mais um reboque, que pode garantir o transporte de mais cinco ou seis unidades.

Deixe um comentário!

Ford AA Konings Siam – O curioso caminhão duplo da década de 1930 Conheça a rodovia mais longa do Brasil Velho caminhão americano é transformado em carro de passeio muito estiloso Você sabia que o 1° FNM produzido no Brasil era bicudo Conheça os coloridos caminhões do Paquistão