Uso de caminhões elétricos poderá salvar milhares de vidas nos próximos anos

A redução da emissão de poluentes com a utilização de caminhões elétricos e fontes de energia limpas poderá reduzir o número de mortes decorrentes da poluição e problemas de saúde, especialmente respiratórios. A informações foram levantadas por uma estudo da American Lung Association.

Essa associação se concentra nos impactos da poluição de caminhões a diesel e os efeitos da redução da poluição em áreas por onde passam mais de 8.500 caminhões por dia.

A mudança para caminhões elétricos em grandes cidades deverá gerar uma economia de US$ 735 bilhões em saúde até 2050, evitar 66.800 mortes prematuras e mais de 1,75 milhão de problemas respiratórios, como asma.

A American Lung Association destaca que o número de caminhões, ônibus e outros veículos a diesel soma apenas 6% do total de veículos nos Estados Unidos, mas eles são responsáveis pela geração da maior parte da poluição.

Os testes mostraram que os veículos pesados geraram a maior parte da poluição registrada em 2020 nesses grandes centros, sendo responsáveis pela emissão de quase 60% do ozônio, 55% do material particulado, entre outros.

“Queríamos analisar os benefícios potenciais da mudança para emissão zero no setor de serviços pesados, porque sabemos que essa pequena parte da frota está causando o maior dano aos pulmões das pessoas”, disse o diretor nacional de advocacia e ar limpo da associação, Will Barrett.

A entidade também mostrou que o número de problemas causados pela poluição é maior em áreas mais próximas à rodovias de grande movimento, e locais como centros de distribuição, áreas de parada e outros também oferecem mais problemas à vizinhança.

Nos Estados Unidos, que tem uma população de 330 milhões de pessoas, cerca de 72 milhões vivem próximos à rotas movimentadas, que tem muito tráfego de caminhões.

Para a associação, a transição que já está ocorrendo, com o uso cada vez mais frequente de caminhões elétricos e movidos por outros combustíveis alternativos vai fazer a diferença em poucos anos, impactando positivamente principalmente a população mais suscetível ao problemas causados pela poluição.

“Nos Estados Unidos, 40% da população vive em comunidades afetadas pelo ar insalubre. Realmente deveria ser uma alta prioridade para os formuladores de políticas agirem, e a mudança para veículos de emissão zero pode essencialmente eliminar o impacto dos escapamentos de diesel da noite para o dia”, finalizou Barrett.

Deixe um comentário!

Caterpillar apresenta caminhão gigante totalmente elétrico Caminhoneiros estão cada vez mais procurados pelas transportadoras Caminhoneiro recém contratado depena caminhão nos EUA Eficiência dos motores diesel chega a um novo patamar Projeto quer acabar com valores de fretes muito baixos