Kamaz copia Cummins e Mercedes-Benz e volta a produzir

Impactada por uma série de sanções decorrentes do conflito militar na Ucrânia, a Rússia tem enfrentado escassez de muitas tecnologias e diversas empresas saíram do país ao longo do último ano.

Isso também afetou duramente as montadoras do país, como a Kamaz, que usava muita tecnologia e componentes fornecidos por empresas de países que hoje não atuam mais na Rússia.

É o caso da Daimler Trucks, com fornecimento de tecnologia e cabines, e a Cummins, que oferecia uma linha de motores para a montadora.

Recentemente, a Kamaz anunciou o inicio da produção de caminhões equipados com o design de cabine da Mercedes-Benz e um motor próprio, chamado de 689, que é uma cópia do Cummins ISL.

De acordo com a montadora, os novos caminhões 54901 são equipados com componentes fabricados por países amigos, como China e Cazaquistão, além da indústria russa.

Todos os meses, devem ser produzidos pelo menos 150 unidades do modelo 54901, voltado para operações rodoviárias de longas distâncias.

Além da cópia do Actros, que agora não é autorizada pela Daimler, a Kamaz atualizou o caminhão K3, que usa cabines da década de 1970. Os novos modelos usam o design antigo mesclado com tecnologias mais modernas, como faróis LED com luzes diurnas, painel de plástico e comandos no volante.

Rafael Brusque - Blog do Caminhoneiro

Nascido e criado na margem de uma importante rodovia paranaense, apaixonado por caminhões e por tudo movido a diesel.

One thought on “Kamaz copia Cummins e Mercedes-Benz e volta a produzir

  • 22/03/2023 em 22:54
    Permalink

    Pessimo jornalismo, n sabemos onde, Estados ou quando as fabricas citadas começaram a produzir e n sabemos em qual País

    Resposta

Deixe um comentário!

VW Constellation está sendo negociado na Holanda Caminhões mais potentes do mundo são chineses Conheça os caminhões mais potentes do Brasil Volvo FH 540 é o caminhão mais vendido do Brasil Conheça o NIKOLA TRE movido a hidrogênio