Caixa Econômica Federal passa a financiar 100% do valor de caminhões

A Caixa lançou nesta quarta-feira (17) pacote de vantagens destinado ao setor de transportes. O objetivo é estabelecer o banco como parceiro do nicho, ofertando as melhores condições para pessoa jurídica. Um dos principais produtos oferecidos é a linha de crédito BNDES FINAME, destinada à aquisição de máquinas e equipamentos novos, além de ônibus e caminhões, que pode agora chegar a 100% do valor do bem. Nas condições anteriores, o financiamento estava limitado a 80% do valor.

LEIA MAIS  Projeto anistia multas de motoristas de ônibus e vans que aderiram à greve de caminhoneiros

O pacote de vantagens também inclui capital de giro (recursos do PIS) com taxas a partir de 0,83% a.m., isenção de IOF e prazo de até 24 meses. Para esta operação, a Caixa destinou o valor de R$ 5 milhões mensais exclusivo para o setor de transportes. Para os clientes que abrirem conta, a Caixa também vai oferecer isenção da Cesta de Serviços por três meses.

LEIA MAIS  "Se proteger é seu dever" é tema da SIPAT na Jamef

O vice-presidente de Produtos de Varejo da Caixa, Julio Cesar Volpp Sierra, destaca que a proposta da Caixa não se limita apenas a crédito. “O que oferecemos são as mais diversas soluções destinadas para PJ, facilitando a evolução dos negócios do empresário. Queremos ser reconhecidos como banco que apoia o desenvolvimento de empresas do nicho de transportes”, comentou.




16 comentários em “Caixa Econômica Federal passa a financiar 100% do valor de caminhões

  • 18/04/2019 em 10:34
    Permalink

    Mais uma vez, quem são beneficiados, são os poderosos, que possuem vários caminhões. Porque, fui dar uma olhada, nos preços dos caminhões, e achei ABSURDAMENTE RIDÍCULO E INSULTUOSO aos contribuintes interessados, esse prazo de 24 meses. Quem vai conseguir pagar em 24 meses, por exemplo, um caminhão de 300 mil reais!?!?!?

  • 17/04/2019 em 21:05
    Permalink

    Isso quer dizer que é pra pessoas ricas, empresários, e os autônomos que o governo vão ficar?

  • 17/04/2019 em 19:08
    Permalink

    A Petrobras foi “Assaltada” nos últimos governos desde de FHC passando por Lula ladrao e Dilmanta… Agora os acionistas encerraram o rombo nas contas estão disposto a ganhar primeiro. Outro fator que aumentou o preço do diesel pois está atrelado ao dolar. A privatização e livre comércio diminuirá e muito esses valores além da carga tributária está nas alturas

  • 17/04/2019 em 18:08
    Permalink

    Não tem frete como que a pessoa vai fazer dívida frete bom é só das empresas grandes o autônomo só toma prejuízo mal o cara consegue compra pneu de primeira.

  • 17/04/2019 em 16:32
    Permalink

    Como sempre so para pessoas jurídicas e o autônomo aonde fica?

  • 17/04/2019 em 15:46
    Permalink

    Pessoas jurídicas.que vantagens precisa mais pra sabermos que querem manipular o governo que só tem três meses de trabalho . O presidente do Brazil vai ter que impor – se mostrar por quem ele foi eleito sim a classe trabalhadora que quer justiça nan mais robalheira como foi no passado ele tem esse povo todo ao seu lado . Agora imagine se esse povo que votou nele revoltar – se contra esse governo

    • 17/04/2019 em 15:53
      Permalink

      Desculpe meu amigo a presidência caiu no colo de Bolsonaro não foi pela sua competência e sim por falta de opção.

  • 17/04/2019 em 15:42
    Permalink

    Esse governo ta se tornando uma piada nos caminhoneiros não queremos empréstimo do governo pra ficar endividados queremos diesel mais baixo e a tabela do frete minimo quem e doido de financia 100% do preço de um caminhão com esse diesel e frete baixo agora diz que vai arrumar estradas e área de descanso so promessas pra longo prazo e olha la se cumprir uma nova paralisação sera inevitável com essa politica.

  • 17/04/2019 em 15:39
    Permalink

    So rico que consegue este emprestimo

  • 17/04/2019 em 15:17
    Permalink

    Infelizmente nesse país só os ricos podem alguma coisa

    • 17/04/2019 em 15:25
      Permalink

      Infelizmente é isso mesmo

      • 17/04/2019 em 15:36
        Permalink

        Isso já é uma tremenda de uma sacanagem com a gente.Quer botar mais caminhões na mão dos empresarios e acabar com a gente.

  • 17/04/2019 em 15:16
    Permalink

    Porque será que o governo não incentiva o transportador autônomo, abrindo linhas de crédito,com juros baixos igual é para os taxistas

  • 17/04/2019 em 15:07
    Permalink

    Isso é a maior vergonha de um presidente que tenho é triste uma propaganda de seus bajuladores o caminhoneiro autônomo precisa é de valores de frete na origem que as transpordora recebem eliminar a transportadora e acabar com o órgão chamado ANTT isso e cabide de empregos ja temos detran denatran pra que isso ANTT pra multar nós né.

    • 17/04/2019 em 22:41
      Permalink

      Verdade…
      Se e o caminhoneiro que pega a carga na indústria leva ate o cliente final, ou que seja só faz transferência de indústria para indústria, tanto faz. O caminhoneiro e que tem que ser aprovado na seguradora, tem que ter o rastreador dele e o responsável pelo transporte, e
      porque ele mesmo não tira o frete direto sem interferência das transportadoras que só faz manifestar e fica com a maior parte do lucro

  • 17/04/2019 em 14:07
    Permalink

    Edite- se FINAME BNDS JA EXISTE HA ANOS , ASSIM COMO O PRÓ CAMONHONEIRO.
    POREM APENAS PARA GRANDES E MEDIOS FROTISTAS .

Fechado para comentários.