Valor dos combustíveis e gás irá cair, afirma Paulo Guedes




O Ministro da Economia, Paulo Guedes, disse na última terça-feira que o Governo Federal irá quebrar o monopólio da Petrobrás no refino do petróleo. O plano é que em até dois anos o valor do gás de cozinha caia pela metade. Essa redução de valor do gás também deverá impactar também os valores dos combustíveis derivados do petróleo, como gasolina e diesel.

O valor do gás de cozinha no Brasil é cerca de quatro vezes maior que em outros países, mesmo aqueles que não produzem petróleo nem gás. “Daqui a dois anos, o botijão de gás vai chegar pela metade do preço à casa do trabalhador brasileiro”, garantiu o ministro.

Com a quebra do monopólio da Petrobras, outras empresas poderão refinar petróleo no país, e a competição deve reduzir os custos, além de elevar a qualidade do produto. As declarações foram feitas após uma reunião com prefeitos na 22ª Marcha a Brasília em defesa dos municípios.

LEIA MAIS  Bolsonaro determina que Petrobras não realize aumento do preço do diesel nas refinarias

“No Brasil, o gás é mais caro que nos países que não têm. Por quê? Porque tem monopólio. Vamos quebrar esses monopólios e vamos baixar o preço do gás e do petróleo com a competição, fora a redução da roubalheira”, afirmou o ministro.

LEIA MAIS  Bolsonaro nega intervenção em preço do diesel

O ministro também anunciou que os royalties da exploração do petróleo no Brasil passarão a ser repassados em maior quantidade ao municípios. Hoje, cerca de 65% desse valor vai para o governo federal, e 35% ficam com estados e municípios. Com a mudança, 70% do valor arrecadado ficará nos estados e nos municípios.

A Petrobrás detém mais de 99% do refino de petróleo no Brasil.




14 comentários em “Valor dos combustíveis e gás irá cair, afirma Paulo Guedes

  • 18/04/2019 em 19:17
    Permalink

    Vai cair só para os empresários , mas o povo continua pagando valores abusivos.

    Resposta
  • 11/04/2019 em 20:31
    Permalink

    Nossa, que viagem… Trigo não tem monopólio e é mais vantajoso exportar que vender aqui por causa do dolar, etanol, quase a mesma coisa, sem contar outros produtos… o problema não é esse

    Resposta
    • 16/04/2019 em 08:28
      Permalink

      Achei que ele estava falando do consumo e não dá exportacao!?

      Resposta
  • 11/04/2019 em 17:49
    Permalink

    Tudo mentira e o povo e tudo palhaço desses políticos ladrões nunca vai acabar essa roubalheira no Brasil .
    Infelizmente fui enganado mais uma vez pelos políticos .

    Resposta
  • 11/04/2019 em 17:10
    Permalink

    Petrobras anunciou hoje aumento de 5,7¨% no diesel !!

    Resposta
  • 11/04/2019 em 16:26
    Permalink

    AI , SIM O PAIS DECOLA, MAS QUANDO SERÁ ISSO? NO ANO 2090?

    Resposta
  • 11/04/2019 em 16:12
    Permalink

    O ministro disse isso mesmo ? Porque se disse, ta desinformado, não existe monopólio de refino no Brasil, a refinaria de Manguinhos no Rio de Janeiro é privada. O problema é que ninguém quer refinar aqui, pois o governo interfere nos preços. Vendam a Petrobras em 5 partes….e coloquem os novos donos para brigarem pelo mercado. O resto é balela.

    Resposta
  • 11/04/2019 em 15:53
    Permalink

    Não é 51 mas é uma boa idéia, isso ajuda o transporte brasileiro e a população em geral. Além de segurar a inflação o país fica mais produtivo e competitivo nas exportações mantendo o combustível aos menores preços possíveis. Não distante pode baixar os juros e o BNDES ter financiamento de 100% para os autônomos que comprovarem a atividade de transportador. Mas é preciso achar um meio de retirar de circulação os caminhões e veículos inicialmente com 20 anos de uso. É um passo certo, mas dois anos!….Bom, antes tarde do que nunca! O presidente Jair Bolsonaro acertou quando te colocou nesse cargo, pela tua capacidade, inteligência e simplicidade. Parabéns ministro Paulo Guedes, esse é o fio da meada!

    Resposta
    • 12/04/2019 em 00:46
      Permalink

      Que bobagem o que eu escrevi nesse meu comentário acreditando ser verdade, mais um novo aumento do diesel 5,7%, retiro tudo o que disse!

      Resposta
  • 11/04/2019 em 13:23
    Permalink

    Parabéns governo Bolsonaro, até que enfim parece que vai acabar a exploracao da Petrobrás com o povo brasileiro, isso só serviu pra cabide de emprego, corrupção e burocracia , o povo mesmo só pagou os prejuízos pois quando teve lucro nao vimos nem um tostão para os nossos bolsos, 418 estatais essa desgraça de Brasil socialista tem, por isso o povo morre de trabalhar para parar impostos , imaginem a bagunça que é???????

    Resposta
  • 11/04/2019 em 12:05
    Permalink

    E o fim da inteligência mesmo , o gás e caro pois é monopolizado por uma empresa nacional e agora fazendo como todo governo anterior fez abrindo mão do monopólio para o capital estrangeiro a vida do Brasileiro vai melhorar kkkkk

    Resposta
    • 11/04/2019 em 13:18
      Permalink

      Bom e do jeito que está, combustíveis caríssimos e de péssima qualidade, e de quebra o povo pagar o rombo da corrupção que o PT deixou na Petrobrás, estatal é isso aí, corrupção, cabide de emprego e burocracia!!!

      Resposta
  • 11/04/2019 em 11:57
    Permalink

    Agora tocaram no assunto que interessa a todos os brasileiros!

    Isso tudo vai refletir nos preços dos produtos de consumo em geral e etc.

    Mas….

    Dois anos ministro??? Putz!

    Está na hora desse governo mostrar a que veio!

    Estamos no aguardo!!!

    Resposta
  • 11/04/2019 em 11:57
    Permalink

    Boa noticia para nos Brasileiros e uma realidade para todos que como eu gostaria de muito saber pq pagamos muito caro pelo nossos combustíveis,(todos dizem que a Petrobras é nossa mas pagamos mais caro que a Bolívia) mais uma vez o governo esta provando que esta governando para os Brasileiros e não para políticos.

    Resposta

Deixe sua opinião sobre o assunto!