Delivery Express completa dois anos no mercado com mais de 5.600 unidades vendidas

por Blog do Caminhoneiro

O caminhão que todo motorista pode dirigir acaba de completar dois anos no mercado brasileiro. O Delivery Express, o DLX, que fez história ao combinar o conforto de um automóvel à robustez de um caminhão de verdade, pode ser dirigido por motoristas com habilitação na categoria B e marcou o ingresso da VW Caminhões e Ônibus no segmento de 3,5 toneladas, um dos mais disputados da América Latina.

Desde sua chegada às concessionárias já teve mais de 5.600 unidades emplacadas no país, de acordo com dados do Renavam. Dentre os principais atributos do Delivery Express estão agilidade no trânsito, facilidade na hora de estacionar, conforto no anda e para das cidades e tráfego permitido onde a circulação é restrita a veículos maiores, já que é classificado dom PBT de 3,5 toneladas. Nas médias distâncias e em aplicações intermunicipais mais vantagens: o rodado simples na traseira traz o benefício da cobrança de pedágio no valor de carro.

O Delivery Express trouxe para o segmento toda a versatilidade de aplicações dos produtos Volkswagen Caminhões e Ônibus, podendo ser utilizado como baú, carga seca, plataforma de auto socorro, manutenção de redes elétricas, entre outros. Esta versatilidade se deve ao fato de o modelo contar com duas opções de entre eixos, adequadas às diversas aplicações.

“O Delivery Express foi, sem dúvida, um dos lançamentos mais marcantes dos últimos tempos. Ele traduz o know-how das nossas marcas, combinando a expertise de carro de passeio e de trabalho, numa sincronia está fazendo história no transporte de cargas. Um de seus grandes diferenciais é a possibilidade de ser dirigido com carteira de habilitação B, facilitando a vida do empreendedor que muitas vezes faz suas próprias entregas”, afirma Ricardo Alouche, vice-presidente de Vendas, Marketing e Pós-Vendas da VW Caminhões e Ônibus.

Performance também é destaque no Delivery Express. Equipado com motor Cummins ISF de 2,8 litros com tecnologia de pós-tratamento de gases EGR, que dispensa o Arla 32. Alcança 150 cv e um torque máximo de 360 Nm numa ampla faixa de rotações para garantir retomadas rápidas e agilidade nas entregas urbanas, com a melhor potência e torque da categoria.

A segurança é outro ponto alto: a cabine avançada ainda oferece melhor visibilidade em saídas de aclives ou curvas, proporcionando mais agilidade nas tomadas de decisão pelo motorista. Para este modelo, a engenharia da VW Caminhões e Ônibus desenvolveu um set de airbags tanto para o motorista como para os passageiros. Associado a cintos de segurança com pré-tensionadores, entrega alto padrão de segurança aos ocupantes.

O Delivery Express também é sinônimo de salto tecnológico em seu processo de fabricação, com o conceito de Manufatura 4.0. É produzido no complexo industrial da VW Caminhões e Ônibus em Resende (RJ), em linha que conta com trinta e oito novos robôs que conferem nível de automação de 60% na armação da cabine, responsáveis por 2.500 pontos de solda, além de 170 itens para medição.

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

Escreva um comentário