Daimler acelera preparação para produzir células de combustível em série para caminhões

por Blog do Caminhoneiro

A Daimler Truck AG está levando adiante a produção em série de células de combustível por meio da Daimler Truck Fuel Cell GmbH & Co. KG, empresa criada no mês passado para essa finalidade. Durante os últimos dez anos, os especialistas da Companhia têm acumulado amplo know-how na área e desenvolvido métodos e processos de produção. Em estreita cooperação com especialistas de Vancouver, no Canadá e com as atividades de desenvolvimento já em andamento, o time de Stuttgart, na Alemanha, agora está transferindo essa experiência para o primeiro estágio da futura produção em série de células de combustível. Estão sendo feitos investimentos em novas instalações que atendam todos os processos industriais: desde revestimento com membrana e fabricação de pilhas à produção completa de unidades de células de combustível.

“Estamos trabalhando fortemente para um transporte neutro em CO2 no futuro. A célula de combustível baseada no hidrogênio é uma tecnologia-chave de importância estratégica neste contexto. Agora, seguimos consistentemente o caminho rumo à produção em série de células de combustível e, dessa forma, realizamos um trabalho absolutamente pioneiro, que vai além da indústria automotiva. Para chegar a isso, vamos investir uma soma considerável nos próximos anos”, afirma Martin Daum, CEO da Daimler Truck AG, que envolve as operações de caminhões e ônibus do grupo, e membro do Conselho da Administração da Daimler AG.

De acordo com Andreas Gorbach, CEO da Daimler Truck Fuel Cell: “Assim como no desenvolvimento da tecnologia das células de combustível, nós também nos beneficiamos no campo da produção com a experiência de muitos anos de nossos especialistas. Isso nos proporciona uma enorme vantagem competitiva: já estamos aptos para trabalhar especificamente em um de nossos marcos mais importantes, que é a padronização para a produção industrial em série e em grande escala desses sistemas de células de combustível “.

Nova tecnologia de produção para produtos altamente complexos

Processos industriais convencionais de produção não podem ser transferidos diretamente para a fabricação das complexas e sensíveis pilhas de células de combustível. O processamento de numerosos componentes delicados ocorre em escala micrométrica (1 mícron = 1 milionésimo de metro). Mesmo a menor contaminação pode comprometer a funcionalidade das células de combustível. É por isso que uma sala limpa, com ar filtrado, está sendo instalada para alguns dos trabalhos na produção planejada. A otimização do ar também é muito importante, uma vez que mínimas alterações na temperatura e na umidade podem levar a mudanças significativas nos materiais, dificultando muito o processo.

Acordo entre Daimler e Volvo

Em abril deste ano, a Daimler Truck AG concluiu um acordo preliminar não vinculativo com o Grupo Volvo para estabelecer uma joint venture para o desenvolvimento e a comercialização de sistemas de células de combustível para serem usados em veículos comerciais pesados e outras aplicações. A parceria aproveitará a expertise tanto da Daimler como da Volvo. A produção em série de sistemas de células de combustível também deverá ser incluída neste acordo. As empresas planejam oferecer veículos comerciais pesados com células de combustível ainda na segunda metade desta década.

Daimler Truck reúne as atividades sobre células de combustível de todo o Grupo

Para facilitar a ação conjunta com a Volvo, a Daimler Truck está agrupando todas as atividades sobre células de combustível do Grupo na recém-constituída subsidiária Daimler Truck Fuel Cell GmbH & Co. KG. Isso também inclui as atividades da Mercedes-Benz Fuel Cell GmbH. Mais adiante, a Daimler Truck Fuel Cell GmbH & Co. KG deverá transformar-se na planejada joint venture. Ao longo das últimas décadas, a Daimler adquiriu uma considerável expertise no campo das células de combustível em Nabern, na Alemanha (atualmente a matriz da Mercedes-Benz Fuel Cell GmbH) e em outras instalações de produção e desenvolvimento no país europeu e no Canadá.

Plano de cooperação com a Rolls-Royce

Já existem oportunidades para comercialização da tecnologia das células de combustível. Um acordo de cooperação deve ser assinado até o fim deste ano entre a Daimler Truck e o grupo britânico Rolls-Royce, que pretende utilizar os sistemas de células de combustível para produção de geradores de energia de emergência da marca MTU, os quais são usados em centrais de dados.

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-98800-6519

Artigos relacionados

Escreva um comentário