Transportadora Contatto inicia testes com caminhões Scania a gás

por Blog do Caminhoneiro

A Transportadora Contatto existe desde 1964, e é especializada no transporte de gases, combustíveis e fertilizantes, por exemplo. A empresa se destaca por uma frota nova, constantemente renovada, e também sempre busca novas tecnologias para aumentar a segurança e eficiência de suas operações.

Recentemente, a empresa iniciou testes com um caminhão Scania R 410 6×2 movido a gás natural comprimido. Esses caminhões, desenvolvidos pela Scania para uso exclusivo de gás, são mais silenciosos e emitem menos poluentes que as versões diesel.

“Estamos sempre de olho nas inovações e temos essa dinâmica em nosso DNA! Sempre buscamos atender a novos padrões de mercado de forma proativa, acompanhando as novas tecnologias e as mudanças no perfil e no comportamento de nossos clientes para desenvolver e oferecer soluções logísticas cada vez mais customizadas, completas e competitivas”, destacou a empresa, em publicação nas redes sociais.

Recentemente a Scania comemorou a venda de 50 caminhões a gás, desde que apresentou a novidade, na Fenatran de 2019. A primeira empresa a adquirir caminhões a gás da Scania foi a RN Express, ainda durante a feira.

De lá para cá, diversas empresas anunciaram a compra da solução.

Segurança e viabilidade operacional

Os caminhões Scania movidos a gás tem motores Ciclo Otto, com velas de ignição, o mesmo sistema usado em automóveis, e podem rodar em médias e longas distâncias.

Esses motores foram desenvolvidos para uso exclusivo com gás, não sendo uma conversão de motores diesel, e tem garantia de fábrica, tecnologia confiável e robusta, além de serem muito seguros. Esses caminhões também oferecem um desempenho semelhante aos caminhões diesel, e são até 20% mais silenciosos.

Em caso de acidente com um veículo a gás Scania, o sistema libera o gás para evitar qualquer risco. Os cilindros são certificados pelo Inmetro, e são fabricados com materiais extremamente robustos.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

COMENTAR

Artigos relacionados