Mercedes-Benz fecha fábrica de veículos em Iracemápolis-SP

por Blog do Caminhoneiro

A Mercedes-Benz anunciou há poucos instantes o encerramento da produção de veículos premium em sua fábrica de Iracemápolis, no interior do estado de São Paulo. De acordo com a montadora, a decisão foi tomada com base em vários fatores, incluindo a atual situação do mercado brasileiro.

Por conta do encerramento da produção no local, cerca de 370 funcionários poderão ser demitidos. A MB afirmou na nota que está buscando alternativas, como um programa de demissão voluntária e outras possibilidades, que estão sendo avaliadas.

“A situação econômica no Brasil tem sido difícil por muitos anos e se agravou devido à pandemia da Covid-19, causando uma queda significativa nas vendas de automóveis premium. Ao longo do nosso processo de transformação, continuamos a reestruturar a nossa rede de produção global. Aumentar nossa eficiência, otimizando a nossa capacidade de utilização é um facilitador importante. Por isso, decidimos encerrar a produção de automóveis premium no Brasil. Nosso primeiro objetivo agora é encontrar uma solução sustentável para os colaboradores dessa unidade, que contribuíram de forma decisiva para o sucesso da Mercedes-Benz no Brasil com seu comprometimento e expertise nos últimos anos”, disse Jörg Burzer, Membro do Board da Mercedes-Benz AG, Produção e Cadeia de Suprimentos.

Apesar do encerramento da produção em Iracemápolis, a montadora mantém suas fábricas de São Bernardo do Campo, em São Paulo, que produz caminhões e chassis de ônibus, e Juiz de Fora, em Minas Gerais, onde são produzidas as cabines dos caminhões, em pleno funcionamento.

Em Iracemápolis estavam sendo produzidos os modelos Classe C e GLA. Para futuros clientes, a montadora passará a importar os modelos de outras fábricas de sua rede de produção global. Para os concessionários da marca, cerca de 50 em todo o Brasil, nada irá mudar.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

COMENTAR

Artigos relacionados

1 comentário

Daniel Redfox 17/12/2020 - 14:54

É o Brasil está indo em passo lento para o fundo do poço.

Comments are closed.