Família vai viajar do Canadá até o Brasil em trailer

por Blog do Caminhoneiro

Onze anos atrás, a família Peres Lopes deixou o Brasil para morar no Canadá. Depois de cinco anos no país, a família conseguiu, por meio de um sistema do governo canadense, a cidadania do país. No ano passado, a família decidiu deixar o apartamento em que vivem para viverem na estrada.

O anúncio da viagem foi feito para os familiares em setembro de 2020, e a viagem será iniciada no segundo semestre desse ano. O Blog do Caminhoneiro conversou nesta semana com Gabriela Peres Lopes, que nos contou um pouco da história da família e os planos para a longa viagem.

De acordo com ela, viajar em um trailer é o sonho do esposo, Marcelo Schwanck Lopes. Ele tinha um tio que teve um motorhome, e sempre alimentou o sonho de ter um veículo do tipo, mas visando apenas recreação.

“A gente pensava mais em férias, em final de semana, no verão daqui. Nunca pensamos em tempo integral”, disse Gabriela.


Ela destaca que, por causa da pandemia do coronavírus, acabou saindo do emprego em que trabalhava, ficando em casa, e Marcelo também passou a trabalhar de casa. Foi nesse momento que o casal viu a possibilidade de mudar o estilo de vida, passando a viver na estrada, trabalhando e seguindo a vida quase normalmente, mas com um quintal diferente a cada dia.

O primeiro passo foi deixar o apartamento em que moravam, que foi alugado para outras pessoas, e vender muitas das coisas que tinham. Um dos impedimentos seria a escola das crianças. Um dos filhos do casal está em idade escolar. Apesar disso, no Canadá existe um programa muito bem estruturado de homeschooling, onde os pais passam a ser professores dos filhos. Gabriela é formada em pedagogia.

Por conta do espaço, a família preferiu a compra de um trailer fifth wheel, que é rebocado por uma caminhonete grande, que traz mais conforto, principalmente para os filhos. O peso total da casa sobre rodas é de cerca de 4 toneladas e o comprimento é de cerca de 10 metros.

Apesar da pandemia, o casal buscou de forma online um modelo de trailer que fosse apropriado para a família.

“A gente procurou pela internet o modelo que a gente queria, fomos visitar e adoramos. O modelo está acima das nossas expectativas”, comentou Gabriela.

Por causa da pandemia, a família não tem um plano definido para viagem. Como a fronteira com os Estados Unidos permanece fechada por causa do coronavírus, a família irá viajar inicialmente pelo Canadá. Como vivem no oeste do país, a viagem deverá ser para o lado leste, até Vancouver.

Caso as fronteiras sejam abertas, a família vai seguir para o sul, em busca de sol. A ideia é seguir até a Flórida, Califórnia e outros lugares dos Estados Unidos.

“A gente está na neve aqui, há seis meses, e estamos loucos por um calorzinho”, brincou ela.

Os canadenses que seguem para os Estados Unidos no inverno são chamados de Snow Birds, por causa da “migração” em busca dos lugares mais quentes.

Apesar da viagem, como Marcelo, o marido, seguirá trabalhando, não serão férias, e a família precisará seguir uma rotina de trabalho e estudo para os filhos, apesar de estarem todos os dias em paisagens diferentes.

Se a viabilidade da viagem em 2021 e 2022 for comprovada pela família, a ideia é seguir para o Brasil em 2023, possivelmente em um veículo menor, devido às nossas estradas, e tramites logísticos, já que o veículo precisará ser embarcado em um navio para passar pela Costa Rica e Colômbia.

O trailer da família ficará ponto em junho, e a ideia é seguir viagem a partir de 1º de julho, seguindo por diversos campings pelo Canadá, durante o versão canadense.

A viagem pode ser acompanhada pelo Instagram, onde a família criou uma página para compartilhar os destaques da viagem. Para seguir, clique no link https://www.instagram.com/crescendonaestrada/.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

COMENTAR

Artigos relacionados

Deixe sua opinião sobre o assunto!