Ford F-Max registra 140 km/h em lago congelado na Rússia

por Blog do Caminhoneiro

Todos os anos, na Rússia, no início do mês de março, é realizado um evento de velocidade sobre o Lago Baikal, que fica totalmente congelado. Uma equipe fica responsável pela construção da pista sobre o gelo, que tem 13.126 metros de extensão total. A competição, geralmente entre automóveis, teve um estranho no ninho neste ano.

Um Ford F-Max participou da competição. Equipado com motor Ecotorq de 12,7L com 500cv de potência e uma transmissão automatizada de doze marchas ZF TraXon, o caminhão tentou dois recordes, sendo o de velocidade máxima no gelo e o de distância mínima para parada total a 80 km/h.

Para poder participar da competição, a engenharia da Ford Trucks desativou o sistema de controle de velocidade do caminhão, que também recebeu pneus Conti Scandinavia, cedidos exclusivamente para o evento, que segue todos os requisitos da Federação Internacional de Automobilismo (FIA) e da RAF (Federação Russa de Automobilismo).

A pilotagem do caminhão na pista extrema foi realizada por Ilona Nakutis, como forma da Ford incentivar o governo russo a autorizar as mulheres a dirigirem caminhões.

Durante seis dias, o caminhão fez treinos e tentativas de recordes. A velocidade máxima registrada como recorde foi de 134 km/h, mas chegou a 140 km/h durante um dos treinos. Apesar disso, só a velocidade registrada na tentativa de recorde é que tem validade.

Na distância mínima de frenagem, realizada a 80 km/h, o caminhão parou totalmente em 169,45 metros.

“Pela primeira vez na história do festival de Velocidade no Gelo do Lago Baikal um caminhão participou. Estou muito feliz que o carro-chefe da Ford Trucks, o F-Max, tenha se tornado isso, e noto especialmente que o caminhão que participou da competição em condições de inverno tão rigorosas foi fornecido na versão de fábrica, sem nenhuma modificação especial. O Lago Baikal é um lugar único no planeta e pudemos demonstrar a potência e a força do caminhão F-Max em condições incomuns, apresentando um resultado muito bom”, disse Serge Van Hülle, Diretor da Turborax, o distribuidor exclusivo da Ford Trucks na Rússia.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

COMENTAR

Artigos relacionados

Deixe sua opinião sobre o assunto!