CNH Industrial desiste de vender a Iveco para empresa chinesa

por Blog do Caminhoneiro

Em um comunicado publicado em seu site corporativo, a CNH Industrial, dona da marca Iveco, anunciou que desistiu do negócio com a empresa chinesa FAW Jiefang. A negociação ocorria há mais de um ano. Apesar disso, a montadora deixa claro que a negociação pode ser retomada depois de 2022.

Para a CNH Industrial, existem oportunidades para desenvolvimento de seu negócio On-Highway, principalmente no que diz respeito à implementação de infraestrutura e soluções de transporte mais sustentáveis.

Um dos fatores que levou à desistência da venda foi o fato do governo italiano afirmar que iria se opor ao negócio. Além disso, o valor ofertado pela FAW, de 3,5 bilhões de Euros, cerca de R$ 23,2 bilhões em conversão direta, não foi considerado suficiente.

O governo da Itália estava acompanhando a negociação de perto, por considerar que a produção de veículos pesados é estratégica para o país, e comemorou o fim das negociações. Além disso, o Ministro do Desenvolvimento Econômico da Itália, Giancarlo Giorgetti, disse que o país está preparado para ajudar a manter a produção da montadora na Itália.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

4 comentários

Igor 24/04/2021 - 22:07

Concordo com o comentário dos colegas… Mas Empresas estão deixando o Brasil aos montes, Ford caminhões e carros, Mercedes carros, Sony Tecnologia, Holcin cimentos… por aqui, se uma empresa decide ir , parece que “Já vai tarde” … Os estrangeiros estão deitando os cabelos comprando tudo a preço de banana, e a gente ainda achando que tá certo.

Reply
Gato Preto 22/04/2021 - 15:04

Não acredito na marca IVECO, uma vez que nos deixaram abandonados no passado, penso que tudo pode acontecer novamente!
Um bom exemplo são os seminovos de outras marcas em relação a essa, o preço dela vai lá pro piso!
Comparem pra ver quão grande é a diferença!

Reply
Haroldo Beraldino 22/04/2021 - 13:03

É com satisfação que leio que o Governo Italiano não é categórico com essa negociação. Anos atrás a Iveco deixou o Brasil, fazendo com que seus atuais clientes (que são milhares) ficassem com receio de seu retorno novamente ao país. Fiquem. Peço como consultor de Vendas em uma concessionária da Marca. Fiquem. Não deixe milhares de clientes satisfeitos de novo. TEMOS MUITO A CRESCER AINDA.

Reply
Onesio júnior Araujo 21/04/2021 - 18:10

Sabia decisão do grupo CNH essa com certeza e a mais censata

Reply

Deixe um comentário!