Caminhoneiro de 88 anos viraliza nas redes sociais por ser exemplo para a estrada

por Blog do Caminhoneiro

Uma fiscalização de rotina da Polícia Rodoviária da Dakota do Norte, nos Estados Unidos viralizou nas redes sociais. A North Dakota Highway Patrol publicou uma foto do caminhoneiro David Sheets, de 88 anos, que mora em Loveland, no Colorado.

O caminhoneiro foi parado para fiscalização das condições de trabalho e de segurança, como freios e iluminação do veículo. O vovô da estrada recebeu muitos elogios dos policiais.

O Peterbilt 379, fabricado no ano 2000, está mantido como novo, e os agentes não encontraram nada fora do padrão exigido. Tudo funciona como se o caminhão tivesse saído da linha de montagem hoje.

O caminhoneiro recebeu um adesivo da polícia, para destacar o cuidado que tem com o caminhão. Por se tratar de um exemplo, um dos policiais pediu para fotografá-lo, e compartilhar a história online.

O que não se imagina é que a postagem iria receber mais de 5 mil compartilhamentos nas redes sociais. O caminhoneiro ficou muito surpreso com a repercussão nas redes sociais.

Como o caminhoneiro não usa a internet, só soube que tinha se tornado um sucesso nas redes sociais após receber telefonemas dos filhos e netos.

O caminhoneiro começou a trabalhar em 1950. Depois de se casar, ficou um tempo com mecânico, mas voltou para a estrada em 1974. Apesar de transportar todos os tipos de cargas que se possa imaginar, e rodar quase todos os estados os país, ele nunca entrou com seu caminhão na Flórida.

Sua esposa faleceu em 2016, poucos dias antes do aniversário de 64 anos de casados, então o caminhoneiro não vê muita necessidade de ficar em casa, por isso, enquanto puder passar no exames para manter a carteira de motorista, irá continuar trabalhando.

Ele é funcionário da empresa Savannah Transport de West Jordan, no Utah. O proprietário da empresa, Terry Crawford, disse que o motorista é excelente e tradicional, e que pode facilmente superar motoristas mais jovens.

O caminhoneiro destacou que os jovens precisam ouvir mais os mais velhos, serem cuidadosos e respeitosos, e que precisam adquirir bastante experiência.

Ele também ressaltou que o caminhoneiro não pode se distrair, e deve viajar com segurança, não apenas cuidando de si mesmo, mas também das pessoas ao seu redor, para evitar qualquer situação ruim.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

8 comentários

Sergio Mathias dos santos 17/05/2021 - 13:28

Eu tenho 56 anos. Sou carreteiro. Dirijo desde os 18 anos. Nunca me envolvi em acidentes. Já dirigi até alfa Romeu, muriçoca, Ford f4000, f11000, fnm, sempre como autônomo. Hoje tenho alguns registros em carteira como motorista carreteiro,porém as empresas estão tão exigente quê exigem até faculdade. Brasil vai sofrer com a falta de motoristas. Não dão insentivo para os novos….
Estou procurando,mas está difícil. Depois dos 50 anos as portas se fecham….. Parabéns aos americanos, que valorizam seus profissionais…..

Reply
Daniel Pereira dos Santos 15/05/2021 - 06:46

Parabéns ao vovô da estrada! Minha história é bem parecida com a desse caminhoneiro. Meu pai também tem 88 anos, está em plena atividade nas estradas com sua carreta MB1634, também trabalhou anos como mecânico e está na estrada a mais de 60 anos. As vezes conseguimos carregar juntos para o mesmo destino, mas é um privilégio e alegria vê-lo desfrutando de tanta saúde, experiência e disposição. O nome dele é Paulo dos Santos Leite, mora em Belford Roxo RJ, mais conhecido como “carioca”. Grande abraço a todos!

Reply
Roberto 15/05/2021 - 04:54

Aqui no Brasil o camiondiro e mal visto pelas pessoas e policiais zeveria ger mais respeito porque tudo que se consome us e transportados por caminhões

Reply
João F Dias 14/05/2021 - 20:36

Aqui no Brasil algumas transportadoras não querem fazer seguro da da carga quando o motorista tem mais de 65 anos, principalmente de for combustível. Será que os americanos são super- homens, nosso companheiro americano tem 88 anos, e aqui quem tem 70 anos, não serve mais.

Reply
Jeferson 14/05/2021 - 09:04

Duvido também que os caminhoneiros americanos param nas praças de pedágio para urinar… Quem quer ser respeitado, deve se dar o respeito….

Reply
Jeferson 14/05/2021 - 09:01

Garanto que lá nos EUA não tem muriçoca com traseira de 2 mts e cheio de luzes… Por isso a polícia não “incomoda”….

Reply
João Santos Souza 14/05/2021 - 01:01

Países de 1° mundo é outra coisas as leis realmente funciona avança Brasil.

Reply
RENÊ COSTA 13/05/2021 - 13:40

LÁ NOS ESTADOS UNIDOS OS CAMINHONEIROS SÃO VALORIZADOS E RESPEITADOS AO CONTRÁRIO DO BRASIL. AQUI A PRF DE ATIBAIA SP ESTÃO PERSEGUINDO, PRENDENDO CAMINHÕES, INDÚSTRIAS DAS MULTAS, NÃO OFERECEM SEGURANÇA PÚBLICA AOS CAMINHONEIROS , DIFICULTAM O TRABALHO DOS CAMINHONEIROS NAS ESTRADAS DO BRASIL.

Reply

Deixe um comentário!