Conheça o significado do logotipo das principais montadoras de caminhões do Brasil

por Blog do Caminhoneiro

Mais do que fabricar caminhões, as montadoras presentes no Brasil tem uma legião de fãs, que conhecem os veículos em cada detalhes, e gostam de usar a marca e o logotipo estampados em camisetas, bonés, e claro, no caminhão em que dirigem.

Mas você sabe qual o significado por trás do logotipo que destaca a marca de caminhão que você mais gosta?

Elaboramos abaixo uma lista com a história por trás dos logotipos das montadoras presentes no Brasil, entre as seis marcas mais vendidas do país, com um bônus. Conheça cada um deles.

Mercedes-Benz

A marca Mercedes-Benz é uma das montadoras mais antigas do mundo, nascida em 1886 com a criação do primeiro automóvel, um veículo de três rodas movido com um motor a combustão interna.

A marca exibe majestosa, na dianteira de todos os seus caminhões, uma bela e prateada estrela de três pontas, que significa as três atividades em que a montadora atuava, fabricando motores para veículos terrestres, aviões e barcos.

O logotipo foi adotado em 1909, logo após a morte de Gottlieb Daimler. Ele desenhou a forma em um cartão postal, enviado à esposa, escrevendo: “um dia essa estrela brilhará sobre a minha obra“.

Em 1923, o logotipo recebeu um círculo. Já, em 1926, com a fusão da Daimler e Benz, foi incluída uma coroa de louros, que era o logotipo da Benz. A forma definitiva, que ainda é usada hoje em dia, nasceu em 1933.

Volkswagen

A Volkswagen foi criada na Alemanha, na década de 1930. O logotipo com o V sobre o W dentro de um círculo foi criado pelo designer de motores Franz Xaver Reimspiess, usando uma engrenagem para representar o círculo, sendo o símbolo da Frente de Trabalho da Alemanha, que atuava como dona da marca.

A palavra Volkswagen significa Carro do Povo, fabricando inicialmente o KdF-Wagen, que se tornaria, mais tarde, o Fusca vendido no Brasil.

O logotipo com o V e o W dentro de um círculo perfeito passou a ser usado em 1945, como determinação do Major Ivan Hirst, que era o responsável pela fábrica, fazendo parte do grupo militar do Governo Britânico que passou a controlar a montadora. Desde então, o símbolo passou por várias atualizações, mas mantém o mesmo padrão desde aquela época.

MAN

A MAN, que faz parte do mesmo grupo da Volkswagen Caminhões e Ônibus, também é uma marca bastante antiga, criada em 1758, como uma empresa siderúrgica. A empresa foi a pioneira no uso do diesel em um caminhão, em 1924.

O logotipo da empresa é representado pela palavra MAN com um arco sobre ela, e também usa um leão em seus caminhões. A palavra MAN é a abreviação de Maschinenfabrik Augustus-Nurnberg.

Já o leão é uma grande homenagem a Heinrich Büssing, que teve um papel muito importante no avanço tecnológico da indústria de veículos comerciais. Ele registrou mais de 250 patentes e fundou diversas empresas. Uma delas era a Büssing AG. Por isso, após a MAN comprar a empresa, incluiu o leão que era o logotipo da Büssing em seus modelos.

Volvo

A Volvo iniciou suas operações em 1926, com a produção de carros. No final daquele ano, a empresa trabalhava na criação do caminhão Série 1. Esse era um modelo revolucionário para a época. Era um caminhão com cabine fechada, transmissão por diferencial, numa época em que a maioria dos modelos era por corrente, e pneus com câmaras de ar, diferente dos modelos com cintas de borracha maciça sobre as rodas de ferro ou madeira da época.

Inicialmente, a marca usava apenas um oval azul com o nome Volvo, e uma faixa diagonal que cruzava a grade inteira.

Em 1929, a montadora passou a usar um novo logotipo, com o símbolo químico do ferro, que é um círculo com uma seta apontada para cima à direita, em analogia ao melhor e mais forte aço do mundo, da Suécia, usado em seus veículos.

A palavra Volvo significa Eu Rodo, e a faixa diagonal na grade transmite a segurança que os modelos já traziam, desde aquela época.

Por isso, podemos dizer que o logotipo Volvo significa “Eu rodo com força e segurança”.

No decorrer dos anos o símbolo mudou bastante, sem perder a essência.

Scania

A Scania foi fundada em 1891, após a parceria entre uma fabricante de vagões de trem e uma de bicicletas. A palavra Scania é derivada de Skåne, a região sueca onde a empresa foi fundada.

Já o grifo, que estampa muitos produtos da marca e já decorou algumas séries especiais, vem de brasões dos condados de Skåne e Östergotland, dos anos de 1400, mais ou menos. O grifo é uma criatura mitológica, com quatro patas e cauda de leão, cabeça e asas de águia, e é sabido que sua origem tem mais de 5 mil anos.

Como a Scania iniciou sua história como fabricante de bicicletas, a Maskinfabrik-aktiebolaget Scania, seu nome era gravado na coroa das bicicletas que produzia.

O primeiro caminhão foi produzido somente em 1905, dois anos depois do primeiro carro que ostentava a marca Scania.

A Scania modificou seu logo no decorrer dos anos, durante parceria com a Vabis, com a Saab. O logo atual usa uma coroa de três pontas com um circulo central, onde o grifo está presente. A última atualização no logo ocorreu em 2017, como está até hoje.

Iveco

A Iveco surgiu em 1975, após a fusão de cinco empresas, sendo uma francesa, a Unic, três italianas, Fiat Veicoli Industriali, OM e Lancia, e uma alemã, a Magirus Deutz.

A palavra Iveco é a abreviação de “Industrial Vehicles Corporation”. Inicialmente, a marca usava um logotipo com um grande “I”, e a sigla Iveco pequena abaixo. Em 1980, o logotipo exclusivamente com a palavra Iveco surgiu, sem nenhum detalhe a mais, permanecendo até hoje.

DAF

A DAF é a sexta montadora que mais vende caminhões no Brasil hoje em dia. A empresa foi fundada em 1928, na Holanda. O nome DAF é uma abreviação das palavras Doorne’s Aanhangwagen Fabriek.

No começo, a empresa se chamava Commanditaire Vennootschap Hub van Doorne’s Machinefabriek, com o nome DAF aparecendo em 1932.

O primeiro logotipo da marca foi criado em 1928, e estava presente em todos os modelos produzido pela montadora por quase sessenta anos. Esse logo trazia uma roda, ou volante, e um feixe de molas, com a palavra DAF sobre ele.

Em 1989 foi apresentado o logo que a marca usa até hoje. A sigla DAF com uma faixa vermelha sob ela.

FNM

Como bônus, colocamos aqui um pouco da história dos logotipos usados pela Fábrica Nacional de Motores, a FNM. A pesquisa é de Werner Keifer.

A montadora foi fundada em 1942, para a produção, sob licença, de motores de aviões. O primeiro logotipo da montadora mostra uma tocha dentro de uma engrenagem com duas asas, e as letras FNM dentro da engrenagem.

Já, em 1948, outro logotipo passou a ser usado, como uma brasão de três partes, com dois motores aeronáuticos Wright, e um motor MAN, que equiparia o FNM D7300, lançado em 1949 sob licença da Isotta Fraschini , que era bicudo e teve entre 50 e 200 unidades fabricadas, sem nenhum sobrevivente.

Já em 1956, quando a montadora apresentou o modelo D9500, já em parceria com a Alfa Romeo, surgiu um novo logotipo, com a engrenagem e uma única asa, e as letra FNM sobre o nome do país, Brasil.

O logotipo que estampava a cabine imponentes dos caminhões D-11000 surgiu em 1960. Ele é uma derivação do logotipo original da Alfa Romeo, com a cruz vermelha, símbolo da família real de Milão na época, com o homem sendo consumido por um dragão, conhecido como Biscione, e as iniciais FNM dentro dele, sendo o F a cruz citada anteriormente.

A marca voltou a ativa recentemente, como Fábrica Nacional de Mobilidades, desenvolvendo caminhões elétricos em parceria com a Agrale, na cidade de Caxias do Sul. Atualmente o logotipo é o mostrado abaixo.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro | Imagens https://1000logos.net/

COMENTAR
CLIQUE AQUI PARA PARTICIPAR DO NOSSO CANAL DO TELEGRAM

1 comentário

sergio 21/06/2021 - 18:33

Faltou da TATRA (fabrica em Ponta Grossa)

Reply

Deixe um comentário sobre o tema!

%d blogueiros gostam disto: