Pelo menos por enquanto, falta de chips foi resolvida para a DAF

por Blog do Caminhoneiro

Em junho, noticiamos aqui no Blog do Caminhoneiro que cerca de 2 mil caminhões DAF produzidos na Holanda estavam sendo destinados para um pátio de uma transportadora, esperando pelos sistemas eletrônicos de controle da caixa de câmbio.

Para chegar até o pátio da transportadora, os caminhões foram equipados com os chips, de forma temporária. Quando eram estacionados, a unidade era removida do caminhão e usada em outro veículo, para que possa sair da linha de montagem.

Nesta semana, o portal de notícias da Holanda “Eindhovense Dagblad” noticiou que a montadora conseguiu reverter a situação, pelo menos temporariamente. Além dos caminhões que estavam no pátio da transportadora De Rooy, cerca de 2 mil unidades, todos os novos caminhões recém saídos da linha de montagem já saem completos da linha de montagem, e podem ser enviados para os proprietários imediatamente.

A falta de componentes para produção de veículos tem causado impactos significativos para montadora de todo o mundo, em todos os segmentos. A falta de chips é um dos problemas mais graves, colocando, inclusive, montadora em férias, como aconteceu com a Scania, que paralisou temporariamente duas fábricas na Europa.

A resolução do problema é, por enquanto, completa, e todos os caminhões estão sendo produzidos normalmente pela montadora. Mas a DAF não comentou as previsões futuras, já que a disponibilidade de chips ainda é incerta.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

Deixe um comentário!