Motor FPT Cursor 13 de 1.200 cv equipa caminhões Iveco na Copa Truck

A próxima etapa da Copa Truck acontece neste sinal de semana, no autódromo de tarumã, no Rio Grande do Sul. Para impulsionar os quatro caminhões Iveco que competem na categoria, os motores FPT Industrial Cursor 13 tem a potência elevada e muito torque, podendo fazer os caminhões de 5 toneladas chegarem a 250 km/h.

Os motores FPT Cursor 13 da Copa Truck recebem turbocompressor especialmente desenvolvido para a categoria, bem como comando de válvulas próprio que, aliado a uma maior capacidade cúbica e acoplado a transmissão de seis velocidades com nova relação de diferencial, elevam a rotação do motor.

Desta forma o torque máximo fica disponível já em baixas rotações, resultando em respostas rápidas de aceleração para os pilotos Felipe Giaffone, Djalma Pivetta e Valmir Benavides, o ‘Hisgué’, da equipe Usual Racing, e Felipe Tozzo, da Dakar Motorsports.

Sistemas críticos para o motor, como radiador, turbo e sistema de admissão de ar são reposicionados, e alguns periféricos são retirados, garantindo menor peso e melhor distribuição de peso para os caminhões.

Visualmente, o FPT Cursor 13 de competição se diferencia pela identificação exclusiva e uma instalação reposicionada nos caminhões. Entre os objetivos das alterações está um novo mapeamento de emissões, monitorado online pela organização da Copa Truck.

“O Cursor 13 da Copa Truck foi especialmente desenvolvido para as pistas. Este motor disponibiliza o que há de mais avançado ao mercado. A temporada serve como importante laboratório para o nosso time de desenvolvimento, além de validar nossos produtos para o máximo rendimento, seja qual for a exigência”, afirma Edinilson Almeida, especialista de Marketing Produto da FPT Industrial.

FPT Cursor 13 Copa Truck 2021 – Ficha técnica

  • Cilindrada: 13.3L
  • Potencia [cv]: até 1200 @ 2600 rpm
  • Torque [Nm]: até 4000 @ 2100 rpm
  • Número de cilindros: 6
  • Número de válvulas por cilindro: 4
  • Aspiração: Turbocompressor Geometria Fixa
  • Injeção: Unidade Injetora
  • Compressão: 15,1:1
  • Diâmetro X curso [mm]: 135 X 150
  • Peso seco [kg]: 1.100
  • Dimensões – L/W/H [mm]: 1.140/936/1.603
  • Combustível: Diesel S-10

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

Deixe um comentário!

O Royal Eagle é um Scania 143 como você nunca viu T112MC – Scania desenvolveu modelo exclusivo para a Nova Zelândia Você lembra do seriado “As Aventuras de BJ” nos anos 1980? Caminhões chineses são equipados com cabine de modelo da década de 1970 Conheça o transporte Piggyback, muito usado nos Estados Unidos