Estados Unidos permite dirigir caminhonetes com carretas sem uma carteira de motorista profissional

A legislação de trânsito é uma sopa de letrinhas que varia muito de país para país. São centenas de leis em cada região, o que acaba transformando o tráfego das ruas e rodovias em algo único. E uma das configurações que mais chama a atenção nas estradas dos Estados Unidos é o uso de picapes para o transporte de cargas.

Não são picapes comuns, por assim dizer. Geralmente são modelos maiores, como a Ram 5500, Chevy Silverado 6500 e outros modelos, que recebem quinta-rodas e podem realizar o transporte de diversas cargas. Com uma vantagem importante: Não é necessário ter uma Carteira de Motorista Profissional, chamada de CDL.

A única exigência legal é que o Peso Bruto Total não ultrapasse as 26 mil libras, ou 11,8 toneladas.

Graças a essa legislação mais permissiva, se criou um mercado de transporte de cargas como automóveis e também de cargas que precisam de pranchas, como alguns tipos de máquinas pequenas, tubos e outras.

O comprimento médio dessas composições é de 52 pés, cerca de 16 metros. Como cegonha, é possível transportar três carros médios.

Nós já conversamos com o motorista de uma mini cegonha que trabalha nos Estados Unidos, o Fernando Alves, que dirige uma Ram 3500, transportando diversos carros pelos EUA. Conheça a história dele no link abaixo.

Uma operação diferenciada – Como é a vida como motorista de Mini Cegonha nos Estados Unidos

No Brasil

Tramita na Câmara dos Deputados o projeto de lei 3.942/2020, de autoria do Deputado Federal Marcio Alvino (PL-SP), que pode permitir o uso de veículos semelhantes no Brasil.

Apesar disso, o projeto limita o uso de caminhonetes engatadas em carretas aos 6 mil quilos de peso bruto, o que vai inviabilizar o transporte de cargas, mas vai permitir que sejam usados motorhomes e outros tipo de reboques, com fins recreativos ou de trabalho.

Projeto de lei permite que motorista com CNH B dirija veículo articulado com até 6 toneladas

Rafael Brusque - Blog do Caminhoneiro

Nascido e criado na margem de uma importante rodovia paranaense, apaixonado por caminhões e por tudo movido a diesel.

Deixe um comentário!

Conheça o NIKOLA TRE movido a hidrogênio Caminhões comemorativos viram febre entre transportadoras Centenas de vagas de emprego para caminhoneiros Conheça o super caminhão futurista da Peterbilt 300 vagas para caminhoneiros brasileiros em Portugal