BBM Logística registra recorde de receita no segundo semestre

Todas as operações de uma das maiores operadoras logísticas do Brasil, a BBM, registraram crescimento. No segundo trimestre de 2022, a empresa registrou crescimento de 20,2% na receita, no comparativo com o mesmo período de 2021, alcançando a marca de R$ 468,7 milhões, um recorde para o período.

O resultado reflete a forte expansão em todos os negócios e reajustes de tarifas decorrentes dos gatilhos contratuais e recomposição dos custos.

O crescimento ocorreu em todas as operações. Na divisão de Gestão de Transportes, houve crescimento de 20% nas operações de e-commerce e carga fracionada, 32% nas operações internacionais e 27% em carga lotação. Na divisão de Contratos Dedicados, o segmento florestal cresceu 23% e o industrial 14%.

Apesar da alta no faturamento, a BBM destaca que o lucro operacional segue impactado pela forte pressão de custos, decorrente das condições macroeconômicas, na qual a inflação e o aumento dos preços de combustíveis se destacam.

A companhia vem mitigando esses fatores com renegociações de preços com os clientes e pelo controle e captura de sinergias das aquisições e eficiência na gestão das despesas administrativas. Grande parte das ações implementadas devem se refletir nos resultados a partir do próximo trimestre.

Além disso, como parte do foco da gestão financeira, a BBM concluiu a terceira emissão de debêntures, no valor de R$ 189 milhões, reforçando a posição com alongamento da dívida e melhora do fluxo de caixa.

Deixe um comentário!

Caminhoneiros estão cada vez mais procurados pelas transportadoras Caminhoneiro recém contratado depena caminhão nos EUA Eficiência dos motores diesel chega a um novo patamar Projeto quer acabar com valores de fretes muito baixos Montagem de caminhões no Brasil segue em alta