Novo prazo para fazer a Autodeclaração do Auxílio Caminhoneiro termina hoje

Como muitos caminhoneiros autônomos de todo o país não conseguiram realizar a Autodeclaração do Termo de Registro do TAC dentro do primeiro prazo dado pelo Ministério do Trabalho e Previdência, que era 29 de agosto, a data foi alterada, passando a ser o dia 12 de setembro. Com isso, os caminhoneiros que ainda não preencheram o documento tem até às 18hs de hoje para fazê-lo.

Se o caminhoneiro fizer a autodeclaração dentro do prazo e estiver com todos os outros requisitos exigidos, receberá as duas primeiras parcelas do benefício, referentes a julho e agosto, no dia 24 de setembro, mesma data em que será paga a terceira parcela para todos os caminhoneiros autônomos que já são beneficiários.

De acordo com o Ministério do Trabalho e Previdência, dentro do primeiro prazo 139.880 transportadores fizeram a autodeclaração. Eles receberam as duas primeiras parcelas do benefício no dia 06 de setembro.

Outros 190.861 caminhoneiros autônomos já haviam recebido as duas primeiras parcelas no dia 06 de agosto. Para esses dois lotes, o próximo pagamento, de R$ 1.000, ocorre no dia 24 de setembro, com os próximos sendo realizados nos dias 22 de outubro, 26 de novembro e 17 de dezembro, quando o Benefício Emergencial Caminhoneiro-TAC será extinto.

O valor liberado para pagamento das seis parcelas pelo Governo Federal foi de R$ 5,4 bilhões, que poderia beneficiar até 900 mil caminhoneiros autônomos de todo o país.

Os caminhoneiros que não receberam o auxílio nos primeiros lotes, apesar de estarem com o cadastro em situação ‘ativo’ no Registro Nacional de Transportadores Rodoviários de Cargas (RNTRC), da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), não tiveram registro de operação de transporte rodoviário de carga neste ano.

2 comentários

jorge ribeiro da silva filho 21/09/2022 - 15:21

Boa tarde onde conseguir fazer auto declaração??

Reply
Armando Gatti Filho 12/09/2022 - 13:16

Como fazer a autodeclaração?
No aplicativo da caixa trabalhador só tem a opção do auxílio taxista

Reply

Deixe um comentário!

Projeto quer acabar com valores de fretes muito baixos Montagem de caminhões no Brasil segue em alta Uso do celular aumenta entre motoristas Rebite – Um grande vilão nas estradas Volkswagen apresenta caminhão conceito Optimus