U&M Mineração se torna a maior frotista Komatsu no Brasil

Com a aquisição de 35 novos caminhões fora de estrada Komatsu HD 785-7, a empresa U&M Mineração e Construção S/A se torna a maior frotista da marca no Brasil. Ao todo, já são 163 caminhões de mineração usados nas operações da mineradora, e os novos serão usados para ampliar a frota.

“O HD 785-7 é de médio porte e está no range de 100 toneladas de payload (carga útil). Nas atividades de mineração, é um equipamento extremamente estratégico para movimentações mais rápidas. Estamos muito felizes em poder oferecer um equipamento como esse à U&M, com quem temos uma parceria de longo prazo”, explica Marcos Costa, diretor comercial da Komatsu, que comemora a parceria com o cliente.

Além das operações como basculante, para cargas de até 100 toneladas, o caminhão também pode receber um implemento pipa.

“É um equipamento com alta tecnologia embarcada, em linha com o que a Komatsu oferece para os mercados de Construção e Mineração global, o que faz dela referência mundial em performance e melhoria de resultados para os clientes. O modelo HD785-7 já possui 10.862 mil unidades em operação em todo mundo”, afirma Costa.

Os caminhões estão sendo fabricados pela Komatsu em Ibaraki, no Japão. Recentemente, esse modelo passou por uma grande atualização tecnológica, que garante mais robustez e confiabilidade.

“Neste cenário, é esperado que o equipamento esteja mais disponível e o cliente tenha resultados produtivos superiores quando comparado aos equipamentos concorrentes, além de baixo consumo de combustível, o que gera menos emissões de gases de efeito estufa. A Komatsu prima por desenvolver e produzir equipamentos mais eficientes e sustentáveis, possui uma estrutura de pós-vendas com foco na otimização do fluxo produtivo reduzindo desperdício, com o uso de tecnologias de ponta para maximizar o retorno sobre os ativos”, completa Costa.

Deixe um comentário!

Caminhoneiros estão cada vez mais procurados pelas transportadoras Caminhoneiro recém contratado depena caminhão nos EUA Eficiência dos motores diesel chega a um novo patamar Projeto quer acabar com valores de fretes muito baixos Montagem de caminhões no Brasil segue em alta