Ford Cargo 2842 6×2

por Blog do Caminhoneiro

Descrição do modelo segundo a montadora

O Cargo 2842 conta com o novo motor FPT 10.3 L, de 6 cilindros em linha e com 420 cavalos. É um dos mais potentes da categoria e oferece excelente desempenho a um baixo consumo de combustível, graças à sua moderna construção. Este Cargo Extrapesado conta com o Eixo Traseiro Meritor MS 18X, cuja caixa do diferencial é fixada a laser, o que aumenta a capacidade de carga trativa. Robusto e de alta eficiência, o Eixo Traseiro complementa os benefícios gerados pelo funcionamento do motor e transmissão.

Ficha técnica

Montadora Ford
Modelo Cargo 2842 6×2
Cabine Leito
Motor FPT 10.3L, 420 cavalos e 194 mkgf de torque
Caixa de câmbio ZF 12AS1930TD, automatizado, 12 marchas
Suspensão dianteira Feixe de molas parabólicas com amortecedores telescópicos de dupla ação e barra estabilizadora
Suspensão traseira Feixe de molas parabólicas (principal e auxiliar), com amortecedores telescópicos, hidráulicos de dupla ação
Sistema de freios A ar, tipo “S-CAM” com circuito duplo, dianteiros e traseiros a tambor, ABS e ASR
Freio-motor Turbo Brake (cabeçote)
Rodas e pneus 22,5 x 8,25 / 295/80R22,5
Peso (Kg) 8913
PBT (Kg) 23000
PBTC (Kg) Não divulgado
CMT (Kg) 56000
Preço médio (R$) 294.735,00
Ficha técnica completa Clique para baixar

Mais fotos

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

2 comentários

Renato 23/07/2020 - 19:19

Uma pena a Ford sair do Brasil…caminhão bom e barato…tinha no passado os robustos MWM 229, os Cummins…até o motor Ford FTO era de qualidade, um pouco beberrão.

Reply
Zé Cueca 10/01/2020 - 16:48

Já aconteceu o que fizeram antes: entupiram o mercado desses caminhões e depois abandonaram o barco com seus passageiros a bordo!
Quem se lembra do FORD FT-800? Quase comprei um, me livrei por conselho de um amigo! Beberão e barulhento!
Anos mais tarde em 2011 estive a porta para adquirir um cargo 2428, só não o fiz por imaginar o passado quando parou a produção dos antigos FTs no Brasil.

Reply

Escreva um comentário