Mais de 80% dos caminhoneiros que trafegam pela via Dutra estão acima do peso

O Brasil tem quase dois milhões de motoristas de caminhão circulando pelas estradas todos os dias, segundo Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Grande parte desse público dirige por horas, dias ou até mesmo semanas sem ter tempo de manter hábitos saudáveis com horários flexíveis de alimentação. E esse descuido traz sérios riscos à saúde como mostra levantamento da CCR NovaDutra feito com motoristas de caminhão que trafegam pelos 402km da via Dutra e participaram do programa Estrada para a Saúde e Estrada para a Saúde Empresas.

Entre os meses de janeiro e novembro do ano passado – período de realização das ações de saúde – os dois programas realizaram 2.337 atendimentos gratuitos de índice de massa corporal (IMC). Desse total, 1.963 (84%) apresentaram alteração no índice de massa corporal (IMC).

LEIA MAIS  Governo Federal estabelece novas diretrizes para diálogo com os caminhoneiros

“As longas horas de jornada, alimentação desregrada, falta de atividade física, poucas horas de sono e estresse podem trazer sérios problemas de saúde. Entre eles estão os cardiovasculares (pressão alta, infarto e acidentes vasculares cerebrais (AVC)), diabetes e colesterol alto. Sem falar nos problemas osteoarticulares como dores nas costas, nas articulações do joelho, tornozelo e pés”, explica o coordenador de Agente de Atendimento Pré-hospitalar (APH), Gustavo Rachid Guedes.

Em 25 ações entre os meses de janeiro e novembro, o programa foi realizado em postos de serviços às margens da via Dutra, em Roseira (SP) e Resende (RJ), e também em seis empresas ao longo da rodovia. Todos os serviços oferecidos aos caminhoneiros são gratuitos e contam com a parceria de escolas de enfermagem e cursos profissionalizantes, que levam exames gratuitos, como aferição de pressão arterial, testes de colesterol, glicemia e visão, avaliação de stress, sessões de massagem relaxante e cortes de cabelo. A atividade tem como objetivo proporcionar aos motoristas a prevenção e cuidados com a saúde.