Mercedes-Benz exporta 22 caminhões Atego para o Peru

A Mercedes-Benz do Brasil negociou a exportação de 22 caminhões Atego 2730 6×4 para a empresa Disal Peru, referência em serviços ambientais na América Latina, com unidades também no Chile e no Paraguai. A venda ao cliente foi conduzida pela Daimler Latina em parceria com a Divemotor, representante da Mercedes-Benz no Peru. A negociação total chegou a 31 unidades, envolvendo também nove caminhões da marca Freightliner, produzidos no México.

Os caminhões Atego produzidos na fábrica da Empresa em São Bernardo do Campo (SP) serão utilizados em diversas aplicações a partir de abril deste ano, recebendo implementos para transporte de lixo, como compactador, além de furgão de carga, tanque de líquidos e transporte de resíduos sólidos, entre outros. A Disal Peru atua em três frentes de negócio: locação de banheiros portáteis, gestão integral de resíduos e tratamento de água.

Pablo Miranda, gerente geral da Disal Peru, ressalta que a empresa aposta novamente nos caminhões Mercedes-Benz e Freightliner devido à reputação e preferência dessas marcas no setor de transporte de carga. “Somam-se a isso suas características técnicas, segurança, eficiência no consumo, capacidade de carga útil, baixo custo operacional e compatibilidade ambiental”, diz o executivo. “Ao mesmo tempo, o amplo suporte de pós-venda oferecido pela Divemotor garante contínua disponibilidade da frota, o que nos permite entregar um melhor serviço aos nossos clientes”.

Segundo o gerente, a Disal Peru, como líder de mercado, tem a obrigação de oferecer aos seus clientes serviços de primeiro nível, que reflitam tanto nas equipes altamente preparadas, como nos veículos que utiliza para cada operação. “É por isso que as soluções de transporte oferecidas pela Divemotor, por meio das marcas Mercedes-Benz e Freightliner, atendem todos os padrões de qualidade, segurança e proteção ambiental que uma empresa com a Disal Peru necessita. Confiamos que esta relação com a Divemotor se mantenha firme. Seguiremos ampliando nossa frota no futuro com mais unidades”.