MAN TGS recebe guindaste com realidade virtual para operação na Itália

por Blog do Caminhoneiro

O transportador Daniele Dalla Palma herdou do seu pai uma pequena transportadora na Itália, responsável por levar árvores do local de corte para serrarias em diversos destinos da Europa. Boa parte dos veículos que a empresa já teve são MAN, e, recentemente, entrou em operação um veículo particularmente especial.

Dalla Palma adquiriu um MAN TGS 28.510, que é usado para o transporte das toras de locais de difícil acesso. Como, em alguns lugares é difícil ter à disposição uma máquina própria para o carregamento, ele instalou no caminhão um guindaste Jonsered 1250Z, que tem quatro câmeras montadas em uma estrutura no topo, que permitem o total controle do equipamento por meio de um sistema de realidade virtual, semelhante ao de alguns videogames.

Na prática, o sistema permite que o operador tenha um campo de visão de 270º na horizontal e 180º na vertical, podendo realizar a carga e descarga de dentro da cabine, com um sistema de joysticks.

“É o primeiro sistema deste tipo instalado na Itália, chama-se HiVision e permite operar o guindaste com dois joysticks montados nos apoios de braço do banco do condutor, portanto, sem precisar sair da cabine. Além de trabalhar mais rápido, posso usufruir de todas as vantagens de estar no interior do veículo, protegido das intempéries, com ar condicionado no verão e quente no inverno, mãos livres para o telefone e até para o rádio. Além disso, dentro do visualizador, posso ler o peso da carga e sou avisado se estiver desequilibrado, tenho tudo sob controle. No outro MAN TGS da frota, a cabine de comando do guindaste é montada diretamente no próprio guindaste e para alcançá-la tenho que entrar e sair, operações que são sempre de alto risco com lama, neve ou gelo. Agora, estou mais confortável”, disse Daniele Dalla Palma.

Duas outras câmeras instaladas no chassi do caminhão enquadram o sistema de patolamento do veículo, permitindo a estabilização para operação do guindaste. As imagens são reproduzidas em uma tela no painel, e também podem ser usadas para monitorar o implemento durante as viagens.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

Deixe um comentário!