Câmeras de segurança vão ser usadas para multar motoristas

por Blog do Caminhoneiro

Motoristas que forem flagrados cometendo infrações de trânsito, como falta do cinto de segurança, uso do celular ao volante e outros poderão ser multados por videomonitoramento. É o que diz a Resolução Contran Nº 909/2022, que passou a vigorar no último dia 1º de abril.

Com a publicação, câmeras de vigilância instaladas nas ruas e rodovias brasileiras poderão ser usadas pelos agentes de trânsito para verificar os motoristas, e, se forem flagradas irregularidades, poderão ser emitidas as multas.

O Contran destaca que, em caso de multa por esses sistemas, o motorista deverá ser informado, por um campo de observação na autuação, destacando que a infração foi constatada online.

Outro ponto importante é que esse tipo de autuação só poderá ser executada em ruas e rodovias que contenham sinalização, indicando que existe Fiscalização por Videomonitoramento.

Para ver a resolução na íntegra, acesse o link https://www.in.gov.br/en/web/dou/-/resolucao-contran-n-909-de-28-de-marco-de-2022-390284259.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

1 comentário

Vinícius 09/04/2022 - 17:10

Só leis “lindas” para ferrar com os motoristas e alimentar a multimilionária indústria da multa.
E quando o caminhoneiro ou frotista tem todos os pneus de um caminhão roubados na calada da noite nos postos de combustíveis, existe lei severa para punir esses caras? E quando abrem as bicas das carretas graneleiras, fazendo o caminhoneiro ou frotista perder a carga, ter prejuízo e ainda por cima causar acidentes, existe lei severa pra isso? NÃO!
Aqui é assim, um mundo de valores invertidos onde o corruptos enriquece e o trabalhador empobrece.
Solução final para quem é inteligente e honesto: imigrar, vazar daqui para um país sério.

Reply

Deixe um comentário!