Shacman apresenta novo caminhão bicudo na China

A Shaanxi Automobile, grupo dono da marca Shacman apresentou nessa semana, na China, seu novo caminhão, batizado de Xide-Yan 560 AMT, um modelo 6×4, com um longo e curvilíneo capô e uma enorme grade cromada.

A utilização de caminhões mais longos na China vem crescendo ao longo dos últimos anos, graças a possibilidade de uso de conjuntos com até 18,1 metros. Isso fez com que os modelos bicudos reaparecessem.

Sob o enorme capô, o Xide-Yan traz um motor XI’an Cummins M15NS6B560 Euro 6, com 14,5 litros de cilindrada e 560 cavalos, produzindo um torque máximo de 2.700 Nm. A caixa de câmbio é uma Eaton automatizada, de 12 velocidades.

Graças ao motor posicionado na dianteira, a cabine tem piso plano e mais baixo, garantindo mais conforto para o motorista. O caminhão também conta com volante multifuncional, painel de instrumentos digital, com uma tela no lugar dos tradicionais mostradores, central multimídia, ar-condicionado, geladeira e bancos com suspensão pneumática.

A cabine também é mais longa do que as tradicionais caras chatas, o que permite o uso de uma cama mais larga.

A empresa ainda não informou sobre a previsão de vendas do modelo nem os preços, mas, inicialmente, deverá ser comercializado exclusivamente na China, ganhando outros mercados da Ásia e possivelmente da África nos próximos anos.

1 comentário

Vinícius 09/09/2022 - 14:32

Os chineses caíram na real de que os tijolos gigantes sobre rodas não são o melhor tipo de caminhão, tanto que não é só a Shacman que fabrica os bicudos. Outras marcas também tem modelos assim por lá.

Reply

Deixe um comentário!

Caterpillar apresenta caminhão gigante totalmente elétrico Caminhoneiros estão cada vez mais procurados pelas transportadoras Caminhoneiro recém contratado depena caminhão nos EUA Eficiência dos motores diesel chega a um novo patamar Projeto quer acabar com valores de fretes muito baixos