Caminhoneiros sofrem na BR-163 no Pará

Colheita da safra, chuva e estradas de terra. Esses são os ingredientes perfeitos para que o escoamento da safra vire um tormento para caminhoneiros. Atolados há vários dias, centenas de caminhoneiros aguardam socorro na BR-163, na região de Miritituba-PA.

De acordo com informações nas redes sociais, alguns caminhoneiros estão esperando há duas semanas por ajuda. A situação está tão crítica, que os alimentos precisam ser racionados, não há local para banho e nem banheiros próximos.

Fazendeiros da região estão abatendo gado e servindo carne aos motoristas, para tentar amenizar a situação. Uma equipe do DNIT esteve no local, mas é necessário aguardar que a chuva pare para que as máquinas possam trabalhar para reduzir os atoleiros.

A fila de caminhões chegou a 50 quilômetros de extensão. A PRF esteve no local, e tentou organizar o tráfego, liberando caminhões vazios, porém a chuva aumentou e até mesmo a viatura policial acabou atolada.

Com a situação, que se estende há dias e não tem uma solução, alguns caminhoneiros estão derramando a carga dos caminhões na estrada para tentar seguir viagem.

Veja fotos:

Blog do Caminhoneiro

9 comentários

KLEBER CARLOS LOCATELLI 25/04/2022 - 23:55

PRF poderia deixar de existir! Se obrigar a ter cones em todos os caminhões, já não se faz necessário pagar salários absurdos pra PRF… Em acidente, só põem cones e vazam… Se precisar deles, vc tem que acionar a polícia cívil!! Corporação mais sem necessidade que eu já vi! Agora, essa molecada nova que entrou… Só sabe multar! Um radar faz o mesmo serviço e sem salário!

Reply
Zé Cueca 28/02/2017 - 13:26

Há se fosse no governo do PT…

Reply
João; 25/02/2017 - 10:51

Infelizmente caminhoneiro,não tem união,quando tiver ,terá muito mais forças do que organização criminosa (MST). Isto pode mudar,com certeza !!! mais enquanto um quer passar por cima um do outro deixando de lado o respeito pela classe,vai acontecer isso,porque as outras classes ,estão trabalhando em cima das brechas,que estes trabalhadores deixam por não terem tempo para pensar…e só trabalhar. Tipo a miseria do nordeste,onde se vendem por um kilo de alimento.

Reply
Ana Wermann 24/02/2017 - 21:30

Coitados nimguem merece

Reply
Raniel Felix 24/02/2017 - 19:27

Depois ums ainda ficam reclamando dos atrasos de carga vem pra aq então e ver como q agente sofre com eses atoleiros

Reply
Leonan Silva 24/02/2017 - 16:30

É trsite isso mas é vdd da vontade de abandona o caminhão

Reply
Jose Antonio Nogueira 24/02/2017 - 15:21

ISSO A TV NAO MOSTRA, E O BRASIL QUASE NINGUEM SABE OQUE ESTA ACONTECENDO HOJE NO ESTADO DO PARÁ..ESSA VERGONHA ONDE NOSSOS POLITICOS SÓ PENSA EM SAQUEAR OS COFRES DA NAÇAO BRASILEIRA..E HOJE CENTENAS E CENTENAS DE PESSOAS ISOLADAS E ATÉ PASSANDO FOME.

Reply
Odair José 24/02/2017 - 14:41

Estou na fila a 10 dias .
A informação não está correta.
A policia não veio aqui p organizar e sim p multar os caminhoneiros desesperados tentando passar.
E outra o pobrema não si resolve pq a empresa dá manutenção não tem maquinário suficiente p fazer este trabalho .
E cada dia que passa a situação piora mais.
Agra falar é fácil .
Difícil é ficar nu meio da selva amazônica dia e noite sem o mínimo de diguinidade e de do direito de todo trabalhador.
A policia fez p mais de 1000 multas aqui segundo a conversa tem por ….
Agra vieram aqui p ajudar ou p arrecadar mais dinheiro p os cofres públicos….?

Reply
Neiva Kaypper 24/02/2017 - 14:32

Não está fácil. ..Quem paga caminhão quebrado? ??

Reply

Deixe um comentário!

Conheça a nova série especial da Scania O Royal Eagle é um Scania 143 como você nunca viu T112MC – Scania desenvolveu modelo exclusivo para a Nova Zelândia Você lembra do seriado “As Aventuras de BJ” nos anos 1980? Caminhões chineses são equipados com cabine de modelo da década de 1970