Por que medimos a potência dos motores em cavalos?

por Blog do Caminhoneiro

Seu caminhão deve ter cerca de 400 cavalos de potência. Talvez mais, talvez menos, dependendo da configuração. A mesma medida é usada para designar a força do motor de carros e de diversos outros equipamentos, mas você sabe como surgiu essa medida de potência?

Há cerca de 250 anos, um brilhante engenheiro, chamado de James Watt, desenvolveu uma máquina a vapor mais eficiente que os modelos que existiam até então. Para poder vender seu invento, voltado principalmente para operações de extração de carvão mineral, realizadas quase que exclusivamente de forma manual, ele precisava comparar sua máquina com algo que os mineiros conheciam.

Durante observações em minas de carvão, ele notou que os cavalos conseguiam realizar algumas tarefas pesadas, em determinado tempo. Para comparar com sua máquina, ele mediu a força do cavalo de acordo como o tempo e a distância em que o animal podia transportar um balde cheio de carvão.

No final, a conta ficou em:

Levantar um balde de 330 libras (cerca de 150 quilos), por 100 pés (30 metros) em um minuto.

Basicamente, essa é a definição do horsepower, usado até hoje.

HP é diferente de CV

Você já deve ter se deparado também com as unidades HP (Horsepower) e CV (Cavalos de potência). Apesar de serem parecidas, as duas unidades são diferentes, e no final da conta, a potência não é a mesma.

Um HP é equivalente a 745,7 watts, e o CV equivale a 735,5 watts. Ou seja, se um caminhão tem 500 HP de potência, ele terá 506,9 CV de potência.

Um cavalo tem mais de 1HP

Apesar da unidade de potência ser comparada com cavalos, o cavalo pode ter uma potência bem maior do que 1 HP. De acordo com estudos, por breves momentos, cavalos podem ter picos de potência de 14,9 hp.

Já o ser humano, em pico de potência, pode ter até 1,2 hp, mas mantém uma potência constante de 0,1 hp. Um atleta treinado, com o corpo preparado, poderá ter um pico de potência na casa dos 2,5 hp, mantendo uma potência constante de 0,35 hp por longos períodos.

Para se ter uma ideia, em um teste, o super velocista jamaicano Usain Bolt produziu um máximo de 3,5 hp durante a quebra do seu recorde mundial nos 100 metros, de 9,58 segundos, em 2009.

Uma homenagem ao criador

James Watt, o criador da unidade de potência em cavalos usada até hoje viveu entre 1736 e 1819,. Nascido na Escócia, teve uma vida brilhante, com diversas descobertas importantes, sendo um dos responsáveis diretos pela Revolução Industrial ocorrida na Europa entre 1700 e 1800.

Apesar de não ter inventado a primeira máquina a vapor do mundo, ele melhorou consideravelmente o projeto original, que desperdiçava a maior parte da energia produzida. Com isso, em 1795, criou a primeira máquina que aproveitava a maior parte da energia térmica disponível.

A máquina desenvolvida por ele passou a produzir energia rotacional, sendo possível usar a potência do vapor em outras aplicações, como a tecelagem ou fresagem.

Como forma de homenagear James Watt, o Segundo Congresso da Associação Britânica para o Avanço da Ciência, em 1882, decidiu batizar como watt a unidade de potência que é equivalente a um joule por segundo. Até hoje, essa é uma unidade padrão no Sistema Internacional de Unidades (SI).

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

2 comentários

Luciano Pfeifer 18/07/2021 - 13:16

500 HP equivalem à 506,935 CV, 1 HP = 1,014 CV

Reply
Blog do Caminhoneiro 18/07/2021 - 17:00

Realmente, ficou invertido no texto. Informação corrigida. Obrigado!

Reply

Deixe um comentário!